0
2 In Reflexões

Bruxaria e Hoodoo: uma parceria interessante

Bruxaria e Hoodoo Voodoo Magia

Há de se ter certa cautela ao falar sobre duas práticas distintas como são a Bruxaria e Hoodoo. Principalmente quando a tentativa é unir essas práticas em um só texto. Então, desde já deixo claro que minha intenção aqui não é tornar o Hoodoo uma forma de Bruxaria e nem fazer da Bruxaria uma forma de Hoodoo.

É necessário também fazer algumas considerações sobre esses conceitos. Já que muita gente faz confusão com o que é o Hoodoo e, muitas outras, possuem formas diferentes de ver a Bruxaria. Quero antes então aqui expor minha forma de ver e sentido que estou aplicando nesses conceitos.

Eu entendo e respeito o conceito da Bruxaria como uma religião. No entanto, meu interesse aqui é abordar a Bruxaria como um conjunto de práticas. Isto é, isenta de vínculos com religiosidades; a expressão de um dom em exercício.

Quanto ao Hoodoo é preciso dizer, antes de mais nada, que Hoodoo não é Voodoo. Essa é uma confusão muito comum devido, creio eu, a dois fatores: a sonoridade parecida dessas duas palavras, e o fato de o Hoodoo ter sua origem na religião conhecida como Voodoo.

 

Bruxaria e Hoodoo, o que eles têm em comum?

Se compararmos essas duas formas de práticas mágico-folclóricas podemos perceber que alguns pontos se tocam. Ambas detem o uso de ervas, resinas e elementos pessoais (cabelo, unha, etc) para a elaboração de seus feitiços. Ambas são usadas com a finalidade de cura e limpeza espiritual de lugares e pessoas. Igualmente elas usam a “encantação” (magia falada, proferida) como forma de lançar a magia. Isto é, ambas acreditam no poder das palavras para lançamento de maldições e bênçãos. Ambas se utilizam de garrafas de proteção e objetos enterrados para condicionar magias…

Essa similaridade se dá na verdade não por uma coincidência. Mas pelo fato de que o Hoodoo, nascido do Voodoo Haitiano, trouxe pra si resquícios das práticas mágico-folclóricas europeias.

Talvez agora você, leitor, deva estar se perguntando: “Ok… Mas de que forma uma parceria entre Bruxaria e Hoodoo seria útil na minha vida?”

Ora essa, em tudo!

Se excluirmos a base de Magia cerimonial de algumas práticas neo-pagãs como a wicca (Bruxaria vista como religião), então o que nos sobra de referência? Um mar de informações de origens diversas que, por vezes, divergem entre si.

O uso mágico de ervas, por exemplo. Quando pesquisamos em livros de Bruxaria podemos ficar confusos quanto à aplicabilidade de algumas ervas. Isso porque uma mesma erva pode ter indicação bem diferenciada de autor para autor.

Isso ocorre na Bruxaria porque muita referência dessa prática se perdeu. Nos resta aquilo que foi propagado oralmente no folclore e em algumas exceções eternizadas em livros centenários. Mas, muitos detalhes de “como fazer” e “para que fazer” se perderam.

No Hoodoo isso não aconteceu.

Embora na origem do Hoodoo os conhecimentos também estivessem disponíveis de forma oral, ele conseguiu, de certa forma, preservar uma unicidade dentro de suas práticas. Isso se deve ao fato, creio eu, de que se trata de uma prática mais recente na história da humanidade. E, sem dúvidas, pelo fato de ter sido uma prática que não sofreu tanta repressão, como foi a Bruxaria no período medieval.

É claro que você vai pensar: “Jess, nessa sua linha de raciocínio, você não precisaria do Hoodoo, bastaria usar os conhecimentos do Candomblé, que estão mais ao nosso alcance aqui no Brasil”. E eu te digo: Sim, é verdade! Mas existe um motivo que me faz optar pela combinação da prática do Hoodoo com a Bruxaria, e não do Candomblé com a Bruxaria. O Candomblé tem todo um sistema de regras no qual apenas os iniciados nessa religiosidade estão, de fato, aptos a aprender. Um outro fato, e o mais importante, é que o Candomblé é uma religião. Logo, eu não desejaria desrespeitar ou ferir essa religiosidade adulterando-a, substituindo nas suas práticas os Orixás pelos meus Deuses. Entende?

Aí reside a grande questão do Hoodoo. O Hoodoo não é religião. É claro que ele está intimamente ligado aos Lwas (Loas) do Voodoo, mas também está às orações e Santos cristãos. Por ser um sistema de práticas mágicas (e, repito, não uma religião), o Hoodoo te deixa livre para usar suas técnicas com o Deus ou os Deuses de sua fé 😉

 

Uma das grandes vantagens em unir Bruxaria e Hoodoo

O que mais dizem os praticantes de Hoodoo é que os trabalhos de magia realizados dentro dessa técnica são super eficientes e com ação mega rápida!

Às vezes um bruxa faz seu feitiço e espera um tempão pra fazer efeito. E isso quando faz efeito! Esse resultado pode ser frustrante na vida de um iniciante e pode até levá-lo a um baixa estima espiritual. A pessoa pensa “não tenho mão pra fazer isso” ou “comigo isso não funciona”.

Ora, isso é muito triste! É claro que “treinar” sua mão de trabalho é algo necessário. Mas, muitas vezes, o problema não está na mão de quem faz. O problema pode estar na cabeça de quem faz (nos casos de baixa estima espiritual) ou (como é o caso que estou falando aqui) na forma de fazer o trabalho.

No Hoodoo há um combinação de saberes e técnicas que, juntos, transformam seu trabalho numa espiral de captação de energia similar. Ou seja, é  na combinação de técnicas de “como fazer”, “quando fazer” (dias e horas), e “o que usar”, como ervas, pós, velas, cúrios (links), símbolos, petições, forma de guardar ou despachar, entre outros elementos, que seu trabalho se torna um “combo”. Dessa forma, o Hoodoo soma elementos que trabalham para o sucesso e rapidez nos resultados dos seus trabalhos.

 

 

E aí? Consegui desmistificar o Hoodoo pra você? Quer saber mais sobre essa técnica? Assine gratuitamente nosso jornal e mantenha-se informado. Quase todos os feitiços postados aqui em O Sortilégio tem como base técnicas tradicionais do Hoodoo.

Faça bom uso 😉

 

 

 

You Might Also Like

2 Comentários

  • Reply
    katia
    15 de agosto de 2017 at 09:26

    Bom da!
    Vc dá curso de vodoo ou indica alguém em São Paulo capital?

    • Reply
      Jess
      21 de agosto de 2017 at 14:22

      Oi, Katia!
      Então, o Voodoo é uma religião. Voodoo e Hoodoo são coisas diferentes. O Hoodoo é um sistema de práticas que teve sua origem no Voodoo. Eu leciono cursos relacionados à prática do Hoodoo e da Bruxaria. Estou fazendo a seleção do melhor conteúdo e elaborando o material para iniciar uma turma em Janeiro. Caso tenha interesse, pode fazer a assinatura gratuita do jornal aqui pelo site, e assim se manterá informada sobre a turma. Seja bem vinda e um grande abraço!!!

    Dê sua opinião!